25 coisas para se fazer de graça em Nova York!

 

Nova York é um dos destinos mais amados por nós, brasileiros. Mas como a cidade é uma das mais caras do mundo e com a alta do dólar, muitas pessoas acabam deixando de escanteio o sonhado desejo de conhecer a big apple. E, para te ajudar a se planejar e aproveitar ao máximo, separei 25 coisas para se fazer de graça em Nova York!

#1 – High Line

É Um dos locais mais cool de Nova York. No passado, era uma linha férrea desativada e abandonada!

Com aproximadamente 2,5 quilômetros de extensão, o parque linear suspenso fica a 8 metros de altura, e atravessa três bairros diferentes: Meatpacking, West Chelsea e Hell’s Kitchen/Clinton. É uma ótima maneira para você conhecer de cima, uma das regiões que não é muito visitada por turistas. O grande charme do local está no fato de contrastar a sua área verde com os arranha-céus de Manhattan, o que cria um cenário muito bonito e cosmopolita.

Além dos jardins, que contam com mais de 200 espécies de plantas, foram instalados no high line diversos bancos para leitura, descanso ou mera contemplação do Rio Hudson, do pôr-do-sol e do ritmo de vida dos nova-iorquinos. O que na década de 30 eram industrias, galpões e fábricas, hoje se transformou em galerias de arte, studios de design, museus, restaurantes, lojas e inclusive moradia.

Só sentar em algum banco no fim do dia, e apreciar Manhattan desacelerando.

Durante o verão, existem tours guiados que contam um pouco mais sobre a história do parque. Toda a programação, que se mantém sempre atualizada, pode ser encontrada no site oficial.

#2- Chelsea Market

No fim do seu trajeto no High Line Park fica também uma grande atração do Meatpacking District: O Chelsea Market. O Chelsea Market é um mercado gastronômico gratuito.

Você pode caminhar ao redor de vários expositores, e juro ficar na dúvida sobre o que você vai acabar comendo, já que há várias culturas e comidas do mundo todo para se provar. Além da vasta quantidade de restaurantes, no Chelsea Market você encontra desde produtos finos até um mercado de pulga.

#3 – Central Park

Ainda falando sobre parques, não poderia deixar de indicar ele. O maior park da cidade, situado no coração de Manhattan. É só adentrar no Central Park que toda a loucura de Manhattan fica para trás. Super organizado e mega limpo, é uma ótima pedida para você fazer igual os nova-iorquinos: Passe em algum supermercado, ou mesmo restaurante e coma no parque como eles! Especialmente se estiver no verão.

O parque é gigantesco e há inúmeras atividades! Você inclusive pode alugar uma bicicleta, ou mesmo pagar uma ride com aqueles caras que te levam na bike deles. Eu fiz isso uma vez e amei! Você consegue conhecer bastante do parque e com aquele ventinho bom devido a “corrida” da bicicleta. Só não se esqueça de fechar o preço final antes, para não ficar muito caro, e ah uma observação pessoal por aqui: Não pegue as charretes com os cavalos, aquilo é uma crueldade com os animais. Mas isso é ponto pra outro post…

Alguns dos locais mais visitados no Central Park são: Strawberry Fields, que foi feito em homenagem ao beatle John Lennon, o Castelo Belvedere e Zoológico.

#4 – Battery Park

Situado no extremo sul da ilha de Manhattan, o Battery Park possui vinte e cinco acres de área verde cercada por diversas construções e arranha-céus, o que dá ao parque um ambiente que mistura natureza e cidade grande.

Além de caminhadas, andar de bicicleta, fazer um piquenique ou mesmo contemplar o pôr-do-sol no Battery Park, se você deseja pegar algum boat para a Estátua da Liberdade, é daqui que você vai sair.

Além disso, o parque possui monumentos importantes espalhados por toda a sua extensão, como é o caso da estátua de bronze “The Sphere”, uma peça de 22 toneladas que ficava na praça interna do World Trade Center, para homenagear as vítimas dos atentados de 11 de setembro.

#5 – Brooklyn Bridge

Cruzar a Ponte do Brooklyn a pé é tipo item indispensável na big apple! Procure ir cedinho para evitar a grande massa de pessoas que se encontram por lá todos os dias, rs. Se puder faça o caminho no sentido Brooklyn – Manhattan. Eu fui primeiro explorar o Brooklyn, que na minha opinião merece muito mais do que uma só visita e voltei para Manhattan atravessando a ponte.

Pois assim você terá uma das vistas mais lindas da cidade! Verá o skyline, a Estátua da Liberdade, o Empire State Building, e muito mais! É de tirar o fôlego! Aproveite para tirar muitas fotos!

#6 – Jardim Botânico do Brooklyn

Aproveite que vai explorar o Brooklyn antes de atravessar a ponte de volta para Manhattan, como sugerido no item #4  e se puder, dá uma esticadinha até o jardim botânico do Brooklyn!

Quando estiver pelo Brooklyn, aproveite para conhecer qualquer um dos ótimos restaurantes da região!

A entrada é gratuita as terças e aos sábados das 10h ás 12h. Com uma área de cerca de 21 hectares, o jardim botânico do Brooklyn já foi um pântano no passado. Hoje, ele é um dos locais mais lindos de Nova York e conta com mais de 12 mil espécies de plantas. Imperdível, ainda mais na primavera, não é mesmo?

#7 – Museus de Arte

Alguns dos museus mais conhecidos de Nova York podem ser visitados gratuitamente!

Metropolitan custa $25 dólares, mas no balcão você pode informar que deseja apenas fazer uma doação, e compre o seu ticket com o valor da sua doação. O mesmo acontece com o Museu de História Natural onde o valor do ingresso custa de $ 23 dólares até $ 33 dólares por adulto. Só não se esqueça de informar na hora da compra que você deseja apenas fazer uma doação e pague o quanto puder.

Já o MoMa custa $25 dólares por adulto, e juro que vale cada centavo! No MoMa não se pode fazer doações. Maaas todas as sextas-feiras das 16h ás 20h a entrada é gratuita! Então coloca na agenda e não deixe de visitar, eim!

Se quiser visitar o fabuloso Whitney Museum of American Art, saiba que ele é gratuito para quem vai lá aos sábados das 17h30min até as 19h45min. O mesmo acontece com  Guggenheim, você pode pagar  o que quiser aos sábados, das 17h45min às 19h45min. Mas fique atento: o último ingresso é oferecido as 19h15min.

#8 – Grand Central

Tenho certeza que você já viu alguma imagem da Grand Central em Gossip Girl (xoxo – rs) ou mesmo em outros filmes e seriados de tv! É uma das estações mais lindas da cidade. E, é daqui que também saem trens para diversas cidades próximas de Nova York.

Aproveite para contemplar a arquitetura belíssima, mas não deixe de olhar para o teto onde estão pintadas belas constelações criadas pelo artista francês Paul Helleu.

Se ficar curioso para saber mais sobre a estação, todas as sextas á partir de 12:30 acontece tours gratuitos com a história do local. A programação você pode encontrar diretamente no site.

#9 – Times Square

Apesar de não indicar ficar na região da Times Square e eu já te contei tudo nesse post aqui. Claro que não posso deixar de indicar a Times para quem vai á Nova York. Afinal, de dia ou à noite, ela sempre impressiona.

Seus enormes letreiros e a grande quantidade de pessoas por lá viralizou em um dos passeios mais famosos para se fazer na Big Apple. E, é claro que você não vai perder, certo?

#10 – Biblioteca Pública de Nova York

Uma das principais bibliotecas do mundo, situada num prédio de tirar o fôlego tamanho a sua magnitude é item obrigatório para se conhecer em Nova York. A entrada é gratuita, mas ouso dizer que mesmo se não fosse ainda valeria cada centavo de dólar, inclusive para quem ama livros, como eu, rs!

#11 – Bryant Park

Depois de perder algumas poucas  horas na biblioteca pública de NYC, vá até o Bryant Park. Fica logo atrás da biblioteca e é um charme só! Faça como os nova-iorquinos pegue uma salada e almoce na grama, contemplando o sol. Falando em sol, durante o verão, o Bryant Park ainda oferece vários eventos 100% gratuitos, como a apresentação de filmes numa gigantesca tela de cinema a céu aberto!

#12 – Chinatown, Soho e Little Italy

Para se conhecer de verdade Nova York você tem que andar, rs. Mas é uma delícia fazer isso nessa cidade incrível! Então aproveite essas pernocas e vá até Chinatown. Você vai ver uma Manhattan bem diferente por lá. Aproveite que Soho e Little Italy são muito próximos e uma delícia de conhecer caminhando e se perdendo pelas ruelas.

Sorvete japonês em Chinatown

Por ali você encontrará muitos restaurantes e lojas que só se encontram na região. Explore esses bairros como um nova-iorquino exploraria 😀

#13 – World Trade Center Memorial

O passeio é meio triste, afinal foi uma das maiores tragédias para os Estados Unidos. Se você perguntar para qualquer nova-iorquino ele poderá falar sobre o acontecido com tristeza durante horas.

No entanto, o memorial do World Trade Center é belíssimo e, vale a visita que é gratuita às terças-feiras das 17h às 20h. Mas, antes de chegar até lá, você é precisa de um ticket de entrada que tem que ser previamente reservado pelo site.

#14 – Village Walking Tours

Já falei por aqui que Downtown Manhattan é um dos lugares mais famosos da cidade. Especialmente no Village. E não por menos, eles oferecem tours gratuitos no verão (de junho a outubro) todos os sábados!

O passeio dura normalmente uma média de noventa minutos e para participar, esteja pontualmente (Não se esqueça que pontualmente é pontualmente mesmo para os americanos, eim!) às 11h30min na esquina da 2nd Ave e St Marks Place em frente ao Chase Bank. Se quiser fazer o tour em outro horário ou sozinho vá até o escritório da Village Alliance e veja quais tours você consegue fazer por conta própria.

#15 – Cervejarias

Para os amantes de cervejas, saibam que vocês podem fazer tours de degustação em Nova York! Isso mesmo!

Chelsea Brewing tours oferece tours aos sábados, de hora em hora das 14 ás 18h.  Também tem a Brooklyn Brewery uma cervejaria em Williamsburg que também oferece tours gratuítos aos sábados das 12:30h ás 18h.

Lembrando que tanto para os tours gratuitos quanto para os tours pagos são permitidos somente para adultos acima de 21 anos e é necessário mostrar identidade.

#16 – Staten Island e Estátua da Liberdade

Esse deve ser um dos passeios de graça em Nova York mais legais para se fazer: você vê uma Nova York totalmente diferente!

Para se ter essa visão privilegiada, pegue o metrô até o fim da linha em Staten Island. Chegando na estação, é só esperar o ferry e voilá. Você verá Manhattan de um outro ponto de vista, consegue ver a Estátua da Liberdade e ainda faz um passeio de barco!

#17 – Lincoln Center

O Lincoln Center em Nova York é um dos lugares mais legais de Nova York para quem adora cultura, especialmente música e dança, já que é um complexo cultural de várias companhias de arte, como a Metropolitan Opera e o New York City Ballet.

O conjunto arquitetônico do lugar é belo e, só a visita já vale. Mas no verão, você pode encontrar alguns eventos especiais por lá, só acessar o site e ficar de olho.

#18 – St Patrick’s Cathedral

Uma das igrejas mais lindas de Nova York, a Catedral de São Patrício se destaca na cidade pela sua arquitetura neogótica, cercada por edifícios super modernos em Manhattan. Vale a pena a visita!

#19 – Federal Hall e Federal Reserve Bank

Para quem gosta de economia, esse é o lugar! Situado em plena Wall Street, o Federal Reserve Bank é simbolo da economia capitalista. Os tours gratuitos dentro do banco incluem até uma visita nos seus cofres de ouro. Para fazer o passeio, você deve agendar antecipadamente pelo site site.

Já o Federal Hall, é onde já foi sede do governo e onde George Washington tomou posse como 1º presidente dos Estados Unidos. Se você estiver por lá, vale a pena a visita!

#20 – Ilha do Governador

A Ilha do Governador é passeio indispensável para quem vai até NYC no verão! Nos meses de Maio até Outubro,  por apenas US$ 2, você embarca na balsa que leva você até a Governos Islands.

Por lá, você encontrará ótimos bares, passeios de bicicletas e muitos eventos de verão. A Ilha recebe diversos festivais com atividades culturais, exposições e djs renomados.

#21 – South Street Seaport

A região de South Street Seaport fica em Lower Manhattan e oferece ótimas opções de compras, restaurantes e feiras ao ar livre. Além da famosa feira de gastronomia Smorgasburg. A região tem diversos pubs e bares antigos. Por lá, você encontrará uma Nova York mais cult e industrial.

#22 – Wall Street

Wall Street é onde está praticamente todo o centro financeiro da cidade, quiçá dos Estados Unidos. É aqui onde são tomadas as decisões que influenciam o setor financeiro no mundo todo! Não se esqueça de ir até a estátua do boi e pegar em suas bolas, dizem que atrai dinheiro.. pelo sim e pelo não, melhor não deixar passar, rs.

#23 – Fifth Avenue

A Fifth Avenue apesar de ser conhecida por representar o mundo consumista e as principais marcas de luxo, a quinta avenida esconde ainda muitas opções de atrações gratuitas. Aqui fica a linda Catedral de St. Patrick’s, que foi mencionada no #item 18.

#24 – Passeio de Bondinho em Roosevelt

Essa passeio é realmente apaixonante. Andar no bondinho é completamente gratuito, se você tem o cartão de metrô illimitado de Nova York. Mas não se preocupe, caso não tenha, o passeio custa uma passagem de metrô $2,75. Se puder, vá no fim do dia. O horário mais movimentado é entre 17h as 19h, pois muitos moradores pegam o bondinho para ir para casa. Se estiver no verão, pegue depois das 19h. O sol ainda estará brilhando, e além de ver  uma Manhattan desacelerada, esse pode ser um dos passeios mais especiais da viagem.

#25 – Rooftops e as melhores vistas de Nova York

Que tal  visitar um Rooftop-bar e ver a cidade de cima? Existem alguns rooftops de hotéis, ou mesmo prédios comerciais que são abertos para o público. Dá uma olhadinha nessa lista:

  • A melhor vista do alto de Manhattan, você pode ter do Rooftop-bar The Crown.
  • A melhor vista da Times Square, você consegue do Rooftop Bar Skyroom e ainda do Rooftop Lounge & Bar 54
  • A melhor vista do Empire State Building, você consegue no bar Rooftop 230 Fifth, Rooftop Spyglasse e ainda o The Skylark.
  • A melhor vista do Memorial do 11 de setembro e do One World Trade Center, você pode ter no W Downtown.

E aí, já tá de malas prontas para conhecer a cidade que nunca dorme?

Amanda Saueia

Brasileira. Geminiana. Contadora. Apaixonada pelo novo, livros, fotografia, música e arte. LOUCA por viagens!

Comente pelo Facebook

Comentários:

Autor: Amanda Saueia

Brasileira. Geminiana. Contadora. Apaixonada pelo novo, livros, fotografia, música e arte. LOUCA por viagens!

Deixe um comentário

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.