Vale a pena conhecer o Marrocos no inverno?

O clima no destino de viagem escolhido é sempre um assunto que dá pano pra manga, rs. Afinal todos querem aproveitar ao máximo a estada no local não é mesmo? E quando falamos em destinos que a prioridade não são as montanhas para prática de esportes de inverno, geralmente não queremos passar nem perto. Mas quero te convencer a ir para o Marrocos em janeiro! Quer saber por que?

Clima

O clima no Marrocos de um modo geral é muito variado,  conforme a região e a estação do ano.

Marrakesh e o sol

A primeira vez que fomos nós vivíamos brincando entre nós que pegávamos todas as estações do ano em um dia, todos os dias, rs. E juro que não era exagero!No norte o clima é de países mediterrânicos, com verões quentes e úmidos e invernos com chuva, mas não muita. Na costa Oeste é atlântico, um bocado mais quente. Para sul, mais próximo do Saaara, é mais desértico.

 

Isso faz com que no verão, particularmente em Agosto, as cidades como Fés e Marrakech e o deserto podem estar um verdadeiro forno e isso acaba tornando as visitas um tanto quanto pesadas.

No inverno, a costa norte e atlântica apresentam temperaturas médias. Mas nas montanhas do Rif costuma estar nublado e chover ou mesmo nevar. No médio-alto Atlas, é quase certo que neva.

Mas então, quando visitar o Marrocos?

Em Ifrane, a suiça marroquina ainda havia um pouco de neve, mas a temperatura estava muito agradável!

Quando visitar o Marrocos?

Dizem que a melhor época para visitar o reino marroquino é na primavera entre março e maio. Quando há muito verde e a temperatura está mais amena. A primeira vez que fomos em 2015, foi no final de abril. E como já comentei anteriormente o clima tava meio doido rs, e sentíamos todas as estações do ano em um dia só. No entanto dessa vez fomos em janeiro e o clima? O melhor possível!

Por que visitar o Marrocos em janeiro?

Chegamos ao Marrocos dia 18 de janeiro de 2018. Conhecemos Casablanca, Rabat, Meknès, Fès, Chefchaouen, Ifrane, Marrakesh, conhecemos verdadeiramente o deserto do Sahara e todas as suas mil faces. E posso dizer que o clima foi o mais agradável possível! Inclusive, muito mais agradável do que na nossa primeira vez no Marrocos.

Você pode ver nosso roteiro completo aqui!

Marrocos no inverno

Chegamos havia uma semana que tido caído neve no Saara, isso não acontecia há pelos menos 30 anos! Estávamos com muita euforia para ver a neve em pleno deserto, mas ela derreteu antes mesmo de chegarmos por lá.

Você pode conferir nosso roteiro aqui!

No entanto, o clima foi o mais agradável possível! Até mesmo no deserto não sentimos muito frio. Tirando a noite que a temperatura caiu um pouco mais no Saara, mas nada desesperador como eu estava esperando.

Um dos dias mais frios da viagem, mas também estávamos cercados de montanhas hehe

Os dias se seguiram com um sol gostoso e uma temperatura que variava entre 13 a 18 graus.

Chuva e neve na estrada mais perigosa do mundo!

Pegamos chuva e um pouco de neve na estrada Tizi n’Tichka, que liga Ouzazarte a Marrakesh e é considerada a estrada mais perigosa do mundo!

Embora com a estrada bem sinuosa, não tivemos medo nenhum já que nosso guia era muito calmo e atencioso na estrada, nos dando muita segurança durante todo o trajeto. Durante nossa viagem pela Tizi n’ Tichka chegamos a pegar -3. Mas dentro do carro, no quentinho nem conseguíamos ter noção dessa temperatura.

É mais barato

Em relação ao quesito custo benefício x preço, ir ao Marrocos em janeiro tem ainda mais vantagens! É muito mais barato do que qualquer outra época! O motivo? É um mês de baixíssima temporada! Quase não há turistas e claro, o preço cai muito! Inclusive até na hora de fechar com a agência fica mais barato 😀

Não se esqueça de fazer sua cotação e roteiro aqui!

Fora que janeiro é um ótimo mês para nós, brasileiros! Afinal geralmente estamos de férias, tem também as férias escolares para quem pretende ir com a família toda e estamos em alta temporada para viajar pelo Brasil e muitos lugares pelo mundo. Então que tal dar uma chance pra esse próximo janeiro e conhecer um dos países mais hospitaleiros e mágicos que existem?

Solzinho gostoso no Vale do Ziz

Não esquece de me contar depois sobre sua experiência! Tenho certeza será fascinante!

Gostou do  post e ficou com vontade de saber mais sobre o Marrocos? Então não deixe de assistir nossos vídeos no canal do YouTube, que lá mostramos tudinho! E ah, não se esqueça de se inscrever em nosso canal para acompanhar nossas publicações semanalmente, ativar o sininho, como também curtir e compartilhar os vídeos, rs.

Amanda Saueia

Brasileira. Geminiana. Contadora. Apaixonada pelo novo, livros, fotografia, música e arte. LOUCA por viagens!

Comente pelo Facebook

Comentários:

Autor: Amanda Saueia

Brasileira. Geminiana. Contadora. Apaixonada pelo novo, livros, fotografia, música e arte. LOUCA por viagens!

2 pensamentos

  1. Olá! Muito legal o post.
    Iremos para o Marrocos no próximo janeiro, iniciando em Fes e terminando por Marraquesh. O roteiro será de 4 dias. Quais são as cidades (bases) que recomendam hospedagem?

    1. Olá Rodrigo! Depende do que você deseja fazer.. se quer somente conhecer as cidades imperiais ou se deseja conhecer algum deserto. Como vc havia pensado inicialmente na sua viagem?

Deixe um comentário

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.