O que fazer em Cape Town: Dicas de passeios imperdíveis!

Cape Town ou Cidade do Cabo é uma cidade litorânea da África do Sul e é parada obrigatória pra quem deseja visitar o País. A cidade lembra muito o nosso Rio de Janeiro com sua beleza natural indescritível, sendo portanto uma das cidades mais visitadas do continente africano.  

Tome a vacina antes de ir

Bom, antes de mais nada é preciso tomar a vacina da febre amarela para viajar para o continente africano. Você precisa, então no mínimo 10 dias antes de embarcar, ir ao posto de saúde e tomar a vacina. A vacina é gratuita, você só precisa pedir para o pessoal do posto te passar um comprovante que você tomou a vacina, e esse comprovante precisa ser datado. Com o comprovante em mãos, você deve ir até a Anvisa e validar o documento.

Sem o documento da Anvisa, você não consegue nem embarcar. E é importante que, seja de, no minimo 10 dias antes da sua viagem, caso seja inferior, o companhia aérea provavelmente não vai autorizar o seu embarque.

Pronto, agora sim estamos prontos para falar da Cidade do Cabo!

Chegando em Cape Town

Não há voos diretos do Brasil para Cape Town, você provavelmente vai ter que desembarcar em Joanesburgo e pegar outro voo para lá. Nós ficamos uma semana em Joanesburgo antes de ir a Cape Town e nesse post aqui eu contei tudo que tem de mais legal por lá. Cape Town foi nossa segunda parada no continente.

Ao desembarcarmos no aeroporto, já pudemos sentir que a nossa estada seria especial! As pessoas são muito alegres e receptivas! Um tanto quanto diferente do que encontramos em Joanesburgo.  Além de ser uma cidade eclética, capaz de agradar todos os tipos de gostos. A Cidade do Cabo é um presente para os amantes da gastronomia, natureza e também da vida noturna. Nossa permanência na cidade, durou sete dias e foi uma delicia só! Pensando nisso, resolvi contar para vocês, alguns dos destinos imperdíveis na cidade.

1. Suba na Table Mountain

A Table Mountain é um dos cartões postais de Cape Town. É atração imperdível para quem está conhecendo a cidade. A montanha também faz parte de um parque nacional que leva seu nome, tamanho sua importância para a Cidade do Cabo. Você pode subir a montanha através de dois jeitos; O primeiro, e mais famoso é pelo bondinho, e o segundo é por caminhada. Para subir pelo bondinho, deve estar atento as condições do clima. E venta muito, muito mesmo na cidade. Infelizmente não conseguimos subir, justamente por essa instabilidade climática. Chegamos a ir até a portinha de entrada da montanha, para comprar os tickets mas, não rolou. 🙁

Na última parada do bus antes do bondinho, infelizmente não conseguimos subir para a Table Mountain.

Sugiro então que você acompanhe pelo site oficial da Table Mountain, antes de ir até lá. Eles sempre atualizam o site para informar se está aberto ou não a subida. O valor do ticket para subir de bondinho, ida e volta é de 255 rands, o que dá mais ou menos R$64,00. O ticket pode ser comprado na bilheteria do parque ou pelo site.

2.V&A Waterfront

V&A Waterfront é um charmoso porto rodeado de shoppings, restaurantes, lojas, muitas performances de artistas ao ar livre e muitas atrações turísticas. Não se paga nada para entrar e é um dos lugares mais famosos da África do Sul. O nome foi em homenagem a rainha Victoria e seu filho Alfred, que em 1860 deram início ao porto. Você pode visitar Waterfront a qualquer hora do dia! Íamos muito para lá no fim de cada passeio, para bebermos um vinho e aproveitar o pôr-do-sol.

Os restaurantes são um show a parte, a arquitetura é belíssima, e muito agradável. E incluem desde restaurantes gourmet até os típicos fast foods. Não foi a toa que, decidimos que a nossa virada de ano seria por lá!

Além dos excelentes resturantes, Waterfront ainda conta com o famoso Aquário Two Oceans. E também é ponto de partida para alguns passeios de barco, inclusive para a Robben Island  que foi onde Nelson Mandela ficou preso durante dezoito anos.

Extra: Passe o ano novo no V&A Waterfront!

Para a virada do ano, já sabíamos que queríamos passar em Waterfront, por conta dos famosos fogos de artifícios, mas ainda não estava decidido o local. Após algumas pesquisas, o Rodrigo encontrou o restaurante Quay Four e pagamos o valor de R$ 275,00 para a ceia.

No dia 31 de dezembro, após nosso dia livre em Camps Bay, pegamos um uber com destino ao ano novo mais famoso da África do Sul. Era cerca de 23 horas e o trânsito estava um pouco caótico. As ruas de Waterfront pareciam terem vida própria, de tantas pessoas que estavam por lá. Fomos direto ao restaurante para começar a nossa ceia. Havia três opções de escolha para o jantar, incluindo entrada e sobremesa, e você poderia escolher entre; frutos do mar, frango ou carne bovina. A bebida era paga a parte. Mais uma vez, devo dizer: A culinária sul africana é maravilhosa! Uma das melhores que eu já provei na vida, então nem preciso confirmar que o jantar foi uma delicia, né?!

A turma toda na hora da virada!
Ano novo em V&A Waterfront

3. Dirija até o Cabo da Boa Esperança pela Chapman’s Peak Drive

Não há palavras para expressar o que foi essa experiência! Só mesmo dirigindo pela Champman’s Peak Drive para se dar conta do quão bela é essa cidade! A estrada também é um dos caminhos para se ir para o Cabo da Boa Esperança. Se puder, também pegue essa mesma estrada próximo ao horário do pôr-do-sol. Sugiro que você pare em um dos mirantes da estrada e aprecie o sol se pondo de encontro ao mar, como se estivesse mergulhando no oceano. Dirija sem presa pela rota que tem 9 quilômetros e é bem sinuosa, contando com cerca de 114 curvas. Não se preocupe, ninguém vai estar com muita pressa por lá!

Não é a toa, que Cape Town é considerada uma das cidades mais lindas do mundo!

4. Faça um picnic no Jardim Botânico

Atrás da Table Mountain, fica o Jardim Botânico de Cape Town. Em 2004 o Kirstenbosch National Botanical Garden foi declarado patrimônio mundial pela Unesco, sendo o primeiro jardim a entrar no ranking. E não é para menos, o Jardim Botânico conta com cerca de 8.500 plantas diferentes em uma área de 5,3 km², sendo 7% cultivada e 90% coberto pela floresta natural, além da vista de quase todo o jardim para a Table Mountain.

Veja também: Open Jaw: Economize na compra de passagens!

Nós, e a Table Mountain ao fundo!

5. Conheça as praias de Cape Town: Camps Bay, Cliffton e Boulders Beach

Camps Bay é a praia mais badalada de Cape Town e também uma das mais bonitas, tendo ao fundo a montanha doze apóstolos e a Lios’s Head (cabeça de leão). O agito fica por conta da Victoria Road, a principal rua da praia. Lá você vai encontrar restaurantes maravilhosos, lojas e alguns hotéis. Camps Bay ainda conta com um grande calçadão, por toda a extensão da orla e diversas palmeiras ao longo do caminho. A extensão de areia é grande e você pode alugar guarda-sol e cadeiras de praia por lá. Existem algumas pessoas que vendem sorvetes, água e alguns petiscos na areia e, ao contrário do Brasil, não é permitido o consumo de bebidas alcoólicas na rua. A água do mar é geladíssima! Eu coloquei só os pés e senti meu cérebro congelar! Rs. Não que eu seja mole, mas a temperatura da água era de 5 graus, eu disse 5 GRAUS! Você teria coragem?!

A serenidade no olhar de quem chegou primeiro em 2017! Rs

Cliffton também é uma praia queridinha para os nativos. Mesmo não sendo tão grande quanto a Camps Bay, a badalação é a mesma. O acesso dela também é pela Victoria Road, mas no sentido centro, e é na praia de Cliffton que se encontram as casas mais caras de Cape Town.

Ainda no assunto praia, tem também a famosa “praia dos pinguins” – Boulders Beach que fica em Simon’s Town a caminho do Cabo da Boa Esperança. Se você quiser saber mais, o Rodrigo contou sobre ela nesse post aqui.

6. Sea Point e Green Point

Chegou a hora de falarmos de Sea Point. O mar é bem agitado na região, e não se tem uma extensa faixa de área na praia. Porém o calçadão continua, e junto com ele um enorme gramado. As pessoas costumam correr, caminhar, andar de bicicleta, ou mesmo levar as crianças para brincar. A paisagem, eu nem preciso dizer que é de tirar o fôlego, não é mesmo?!

Seguindo pela rodovia, vamos parar em Green Point. O último bairro antes do centro. Mesmo sendo uma área mais residencial, o bairro é bem agitado! Quem quer conhecer um pouco mais da badalação da Cidade do Cabo, Green Point é uma ótima pedida, sendo repleto de bares descolados, casas noturnas e restaurantes.

7. Assista ao pôr-do-sol em Signal Hill

Essa dica é imperdível! Você TEM QUE assistir ao pôr-do-sol em Signal Hill! Ela pertence ao parque nacional da Table Mountain, e de lá se tem uma vista privilegiada para a montanha. O pôr-do-sol em Signal Hill é o mais famoso de Cape Town e não é para menos! De um lado você tem a vista para a Table Mountain e de outro, uma vista incrível para o mar e para a cidade. O acesso é bem tranquilo, fomos de carro e só pegamos engarrafamento na volta.  Não paga nada para subir e também não tem muita coisa para comprar lá em cima, no dia que subimos tinham só dois carrinhos de hotdog. A montanha estava lotada e prontinha para se despedir do dia.  Apesar de ventar muito, resistimos até o fim, tirando fotos incríveis e admirando o sol se pôr.

Signal Hill!

 

 

Dica: Leve um casaquinho por que venta muito lá em cima. Uma garrafa de vinho também vai muito bem! 😉

8. Faça um wine tour

Você precisa conhecer pelo menos uma vinícola enquanto estiver em Cape Town! Eu amo vinhos e quem gosta sabe que, a África do Sul é um dos melhores produtores de vinho do mundo! Estando tão pertinho dessas maravilhas, você não pode deixar de conhecer! Se você for ficar pouco tempo em Cape Town e já for fazer o bus tour, você pode aproveitar e fazer Purple Wine Tour que é a linha roxa da CitySightseeing. Ela passa por três vinícolas da região de Constantia: Groot Constantia, Eagles’ Nest e Beau Constantia. Você vai poder fazer a prova de vinhos em cada uma das vinícolas, os preços variam de 45 à 60 rands (±R12 à R$15) por vinícola.

Caso você fique mais tempo em Cape Town, o ideal é conhecer as vinícolas das cidades vizinhas: Stellenbosch, Paarl e Franschhoek. Para te ajudar a escolher, eu contei tudo sobre as vinícolas que visitamos lá nesse post aqui.

fairview-cape-town-africa-do-sul

Onde fica tudo

Aproveite sua viagem e se jogue nesse país fascinante onde TUDO é pra lá de maravilhoso!! Não deixe de experimentar a culinária sul africana e seus vinhos, são realmente imperdíveis!!

**Post atualizado em 23/08/2017.

Amanda Saueia

Brasileira. Geminiana. Contadora. Apaixonada pelo novo, livros, fotografia, música e arte. LOUCA por viagens!

Comente pelo Facebook

Comentários:

Autor: Amanda Saueia

Brasileira. Geminiana. Contadora. Apaixonada pelo novo, livros, fotografia, música e arte. LOUCA por viagens!

Deixe um comentário